O país da bola, de Betty Milan

Capa_O País da Bola_bxPrimeira mulher a escrever sobre futebol no Brasil, Betty Milan lança agora uma nova edição de O país da bola (Ed. Record), que também foi editado na França. A autora atravessa o país da bola, indicando o que fez do football o futebol e dos nossos jogadores figuras lendárias. Mostra que há uma relação entre a cultura popular brasileira – a cultura do brincar – e o jogo inventivo de que somos capazes. Para ela, nós, brasileiros, somos treinados para a improvisação desde a infância, e o brincar é o elemento-chave da nossa cultura.

De 1995 para cá, o futebol mudou muito. Como disse Michel Platini em entrevista de dezembro de 2013, as regras foram alteradas e o jogo se acelerou. “Ninguém mais perde tempo para buscar a bola quando ela sai do campo — há outras no entorno. Por outro lado, o goleiro não está mais autorizado a pegar com a mão a bola passada por um jogador do time dele; é obrigado a reenviá-la chutando. O estilo do futebol se globalizou. Depende menos do jogador do que do técnico e do time ao qual ele pertence.”

Betty Milan se pergunta se, nesse contexto, faz sentido ainda falar de um estilo brasileiro? As jogadas de Neymar e as pedaladas de Robinho permitem responder afirmativamente. Não brincam como Garrincha, mas, como este, se valem do jogo para se divertir. O brincar é uma característica nossa, que tende a se perpetuar, pois a nossa cultura não se realiza sem a brincadeira. Antes de pertencer a um time estrangeiro e ser formatado pelo técnico do mesmo, o jogador brasileiro se forma na cultura do brincar.
Pode ele até se esquecer das suas origens, mas estas não se esquecem dele e se manifestam explícita ou sorrateiramente, levando o público ao delírio da alegria. Por isso, evocando a tradição ocidental da trégua sagrada – que desde as Olimpíadas gregas proibe a guerra no período dos jogos –, Platini espera um campeonato pacífico. E concluiu sua entrevista dizendo que, “para os torcedores do mundo inteiro, assistir à Copa do Mundo no Brasil é tão importante quanto para os muçulmanos ir a Meca”.

Com este livro Betty Milan focaliza o jogo para nos dizer quem somos e como somos, mas ainda porque o espaço do futebol é democrático e, nele, a palavra lei faz sentido.

O país da bola
Autora: Betty Milan
Editora Record
R$ 25,00
Formato: 14cm x 21cm
ISBN: 9788501102461
Lançamento: Abril de 2014

Assessoria de Imprensa
Helena Castello Branco
Comunicação & Cultura

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s