Aldeia Multiétnica promove vivência com o povo Xavante

Com a proposta de transmitir ao público conhecimentos sobre a cultura A’uwe, em meio à biodiversidade do Cerrado nativo – bioma no qual estão inseridas as aldeias dessa etnia e a Chapada dos Veadeiros – a Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge e o Centro de Estudos Universais realizam em outubro, na Aldeia Multiétnica (GO), vivência ‘Sementes e Sonhos na Visão Xavante’, com um grupo da Aldeia Ripá (MT).

A etnia participou em julho de 2018, da XII Aldeia Multiétnica – projeto que reúne povos do Cerrado, Mata Atlântica, Caatinga e Amazônia, e de outros países, para apresentarem suas culturas de diversas maneiras -, e construíram sua casa tradicional no local. Em outubro, o público terá a oportunidade de conhecer e aprofundar seus conhecimentos sobre os modos de ser, fazer e pensar dos Xavante. Entre as atividades, estão cantos tradicionais e devocionais, pinturas corporais, corridas com toras de buriti, caminhadas em busca de plantas medicinais, contação de histórias antigas ao redor da fogueira, troca de sementes nativas e discussões sobre o sonhar consciente na tradição A’uwe.

Para os Xavante, “a vida é feita da mesma matéria dos sonhos”, portanto a estrutura social e as decisões tomadas nas aldeias são fundamentadas nos mesmos. Por meio do sonho, os indígenas desta etnia recebem orientações e mensagens sobre como devem agir e quais decisões tomar. Na vivência, os participantes terão a oportunidade de aprender e trocar experiências sobre a linguagem do sonhar, e também sobre outras particularidades culturais e espirituais desse povo.

“A Aldeia Multiétnica é um espaço de valorização dos povos indígenas que proporciona a união de diversas etnias para a defesa de suas culturas, tradições individuais e lutas em comum, além de aproximá-los da população não-indígena em uma vivência transformadora”, explica Juliano Basso, presidente da Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge. Nascida no distrito de São Jorge (Alto Paraíso de Goiás, GO), a ONG proporciona encontros ao longo do ano, que valorizam a sociobiodiversidade, possibilitando a troca de saberes e fazeres.
Para participar da vivência, é preciso adquirir um pacote que inclui alimentação completa e hospedagem na aldeia, e toda a programação do evento. (clique aqui)
Serviço
O quê: Sementes e Sonhos na Visão Xavante – Vivência com o povo A’uwe
Quando: 11 a 16 de outubro de 2018
Onde: Aldeia Multiétnica – Alto Paraíso de Goiás (GO)
Pacote Camping: R$ 1.250,00 – Pacote Hospedaria: R$ 1.550,00
Anúncios

TRIX ENGENHARIA E EVEREST RIDGE CONTAM COMO NASCEU A CELÉRIX, UM BACKBONE DE ALTA CAPACIDADE PARA ISPs DO MERCADO

O mercado de Internet Service Providers (ISPs), está em plena expansão. Dos quase 30 milhões de domicílios com banda larga fixa, 6 milhões já são atendidos por fibra óptica, dos quais 50% são atendidos por provedores regionais. O crescimento dos ISPs Regionais é proporcional à necessidade de aumento de banda que as pessoas passaram a ter, já que hoje temos Netflix e Smart TVs e há uma necessidade crescente de melhor conexão. Segundo pesquisa da ANATEL, existem 10.416 empresas com licença SCM avançando suas operações a lugares mais remotos do país. O Brasil, por sua população, é o primeiro país da América do Sul e o quinto maior do mundo em consumidores de Internet.

Diante de um mercado tão próspero, a Trix Engenharia, que está no mercado há mais de 40 anos construindo obras nas áreas de saneamento básico, gás e telecom, percebeu que havia uma grande oportunidade no país, onde havia somente redes antigas e obsoletas, com experiências ruins de usuários de internet. Em 2014, a empresa decidiu aproveitar sua expertise em telecom e investir em um backbone para ajudar a solucionar este cenário. No entanto, surgiram dúvidas sobre como implantar uma rede de alta capacidade, que exige conhecimentos bastante específicos. Por meio de uma indicação, a Trix Engenharia chegou à consultoria da Everest Ridge, especializada em criar arquitetura de redes com alta disponibilidade, segurança de dados e tecnologia de última geração.

Para o grande desafio de montar a Celérix Telecomunicações (www.celerix.com.br), a Trix Engenharia contou desde o início, ainda em fase pré-operacional, com a consultoria da Everest Ridge. A Celérix oferece rotas em fibra óptica de alta capacidade para o chamado “whole sales”, ou seja, grandes consumidores, corporativos e ISPs (provedores de acesso à Internet) que estão localizados nas regiões Centro-Oeste, Minas Gerais, cidade de São Paulo e DF. Os clientes podem usar o novo backbones ópticos de alta capacidade em redes metropolitanas com qualidade de construção, manutenção e operação.

O Diretor Comercial da Celérix, Maurício Almeida, conta que a operação em tem sido um grande sucesso. “Em apenas sete meses de operação, já conquistamos mais de 20 clientes de grande porte e estamos seguindo com propriedade nosso plano de negócios, de crescer com qualidade e responsabilidade. Os sócios estão muito satisfeitos com os resultados até aqui, inclusive investindo para expansão da rede: a Celérix tem cinco novas rotas já projetadas e 1.500 Km de rotas subterrâneas a serem implantadas até 2020. Tem muita coisa boa vindo por aí”, declara.

Para ele, a Everest Ridge foi essencial no processo de oportunidade de negócios de IP. “Nossa estrutura foi desenhada para ser extremamente enxuta e, por este motivo, não podia errar ao entrar nesse novo mercado. Precisávamos de profissionais competentes e comprometidos com o projeto e forma de atuação, que é estar mais próxima dos clientes, proporcionando um pós-venda eficaz e muito mais rápido que o dos concorrentes. A Everest Ridge trouxe toda a sua expertise para nosso time, tornando-se responsável pela operação da rede e entendeu com perfeição a visão de negócios da empresa”, explica Maurício Almeida, Diretor Comercial da Celérix.

O principal produto da Celérix é o fornecimento de backbones DWDM de alta capacidade e qualidade de transmissão, atendendo em suas rotas grandes consumidores e ISP’s. “Fizemos desde o projeto e o desenho da topologia da rede, e indicamos as especificações de equipamentos que a Celérix precisava. A operação completa da rede também seguiu o projeto desenvolvido pela Everest Ridge e contempla desde de hosts de sistemas OSS, Engenharia de Tráfego, operação da rede nível 1, 2 e 3, suportando a operação 24X7, o que chamamos também de NOC”, comenta Eduardo Meirelles, Diretor Comercial da Everest Ridge.

A Celérix tem como diferencial os melhores e mais modernos e equipamentos do mercado, superando as redes antigas e obsoletas existentes na região, e conta com o acesso mais curto entre Brasília e São Paulo Capital, o que na prática significa uma rede de IP de alta velocidade para os clientes.

Sobre a Everest Ridge

A Everest Ridge é uma empresa brasileira especialista em gestão e segurança de redes de telecomunicações. Fundada em 2010, oferece serviços desde a concepção e desenho de uma nova rede, até a otimização da rede de grandes empresas, tendo com maior benefício a redução de custos fixos em média de 30%. Possui um centro de operações 24×7 para gerenciar e fazer a manutenção dos serviços. Entre os principais clientes estão Eletronet, Master, Engemon IT e L5 Networks.
http://everestridge.com.br/

Sobre a Trix Engenharia
Fundada em 1977, a Trix Engenharia atua em todo o território nacional, executando projetos e obras de infraestrutura nas áreas de saneamento básico, drenagem urbana, telecomunicações, transporte de gás natural e pequenas centrais hidrelétricas. Paralelamente aos serviços de engenharia, expandiu suas atividades e passou a atuar também na área de geração de energia, buscando projetos e concessões para a exploração de pequenas centrais hidrelétricas. http://trixengenharia.net.br/

Sobre a Celérix Telecomunicações
A Celérix Telecomunicações foi criada em 2014 com o objetivo de prover as regiões sudeste e centro-oeste com novos backbones ópticos de alta capacidade e redes metropolitanas com qualidade de construção, manutenção e operação. Fornece backbones DWDM de alta capacidade e qualidade de transmissão, atendendo em suas rotas grandes consumidores e ISP’s. Possui 1.100 Km de backbones implantados, 43 municípios alcançados e presença em três estados brasileiros e mais Distrito Federal, podendo oferecer soluções de conexão em todo o território nacional.
http://celerix.com.br/pt/

Mais Informações para a Imprensa
Hub Content – Assessoria de Imprensa Everest Ridge
Helena Castello Branco – helena@hubcontent.com.br – 11 9 9872-3676
Gil Stefani – gil.stefani@hubcontent.com.br – 11 9 8785-3926

Evento celebra o ser a partir de experiências intimistas e alquimia sonora

Nos dias 21 e 22 de setembro, a natureza acolhedora de Ilhabela (SP) será o cenário do Celebração do Ser, evento que une entretenimento e vivências terapêuticas para um aprendizado intimista e transformador. O evento acontece no Templo do Ser, espaço de retiros e bem-estar, tendo como destaque a participação da alquimista sonora Amma Sophia Rose, que fará concertos com cantos, tambores e tigelas de cristal. A programação inclui ainda atrações musicais multiculturais, yoga dance, exposição de artesanato, bistrô orgânico, danças, palestra e massagens.

Dentre as atrações musicais, haverá shows com os instrumentistas Felipe Garbi e Gui Vitalli, com trabalhos que buscam o desenvolvimento interior e a contemplação, Jonca Harp, harpista que harmoniza o céu e a terra com a ternura da harpa, Marco Maia, músico de instrumentos sagrados, e Saulo Andrade, que tem nas músicas folclóricas a sua principal inspiração. Entre as experiências acústico-corporais estão as apresentações de Nada Shakti, terapeuta musical e criadora do projeto Cerimônia do Som, Milena Rossi, dançarina e facilitadora de danças femininas há mais de 20 anos e o ritmo contagiante do DJ Júlio Bittencourt, apaixonado por timbres e sons com a utilização de instrumentos amazônicos. 
As atividades corporais serão realizadas por Francisco Príncipe, que vai apresentar dança clássica indiana de consagração à primavera; Lili Lakshmi, com aula de Yoga Dance concebida como um caminho espiritual em que a própria vida é o ponto de descoberta, Pandu (Claudio Sampaio), instrutor internacional de Nada Yoga, o Yoga do Som. O evento trará também uma rica exposição de filtro dos sonhos, elaborados por Lucas Ragazoni e Luan Sabino, do Ateliê Banguê, com artesanatos em formas de amuletos, lembranças, histórias e energias.

O Mana Bistrô, restaurante de gastronomia natural e orgânica do Templo do Ser, servirá quitutes, bebidas sem álcool e pratos rápidos que celebram a chegada da primavera, preparados com muito amor pela chef Carol Marconi.
Idealizado por Cecília Peres, fundadora do Templo do Ser, o Celebração do Ser tem o objetivo de possibilitar a troca de vivências e reunir pessoas que buscam um encontro com o seu propósito, em um ambiente de relaxamento e contemplação. “O que chamamos de tecnologias de reconexão são as formas de entrar em sintonia com a natureza e com a sua nossa essência. Esse é princípio que seguimos no Templo do Ser, um espaço que possibilita uma rica escola de vida, com o intercâmbio de pessoas do mundo inteiro e as mais transformadoras experiências”, explica Cecília.

Sobre o Templo do Ser

O Templo do Ser é um espaço de retiros e bem-estar criado para proporcionar um ambiente de contemplação e relaxamento, e tecnologias de reconexão do ser com sua essência. Sua arquitetura orgânica e materiais nobres interagem com o entorno – a mata atlântica de Ilhabela (SP), tendo como resultado a natureza em harmonia com o ser humano. Oferece uma programação variada de workshops e vivências, aulas de yoga e dança, terapias holísticas e meditação. Possui salas para massagens, piscina e spa aquecidos, boutique, bistrô de alimentação natural e orgânica, e suítes privativas para hóspedes. www.templodoser.org


Serviço

O quê: Celebração do Ser
Quando: 21/09 (das 17h às 23h) e 22/09 (das 9h às 22h)
Ingresso: Contribuição consciente (valor mínimo sugerido: R$ 30,00 por dia). Renda revertida para o Instituto Amor.
Local: Templo do Ser
Endereço: Av. Engenho Velho, 185, Feiticeira, Ilhabela (SP)
Mais informações: (12) 99736 3846 / info@templodoser.org
Facebook: templodoser.org
Instagram: templodoser.ilhabela
www.templodoser.org

Bairro da Vila Olímpia (SP) é tema de pesquisa inédita sobre sociabilidade nas metrópoles

 

Transformação do espaço urbano, mudanças das relações entre vizinhos e reconfiguração de moradores são alguns dos pontos abordados no livro do professor e pesquisador Dan Rodrigues Levy, Doutor em Sociologia Urbana. Lançamento acontece dia 14/09 na Livraria da Vila (Jardins, São Paulo).

Doutor em Sociologia Urbana e professor da Unifesp, Dan Rodrigues Levy conduziu pesquisa aprofundada sobre a Vila Olímpia e a ideia é, principalmente responder: o bairro tende a sucumbir ou resistir a todo o processo de transformação urbana que vem sofrendo?

O livro “A sociabilidade na metrópole de São Paulo: um estudo sobre o bairro da Vila Olímpia” (Ed. LiberArs) levanta as circunstâncias históricas, sociais e urbanísticas pelas quais o bairro passou e passa atualmente e joga luz sobre tensões subjetivas que permeiam o convívio de megaprojetos empresariais e antigos moradores do bairro.

São apresentadas ainda algumas estratégias coletivas que procuram ressignificar o uso do espaço urbano, configurando verdadeiras formas de resistência ao novo modelo de urbanização neoliberal, como a Turma do Beira Rio (grupo de moradores e ex-moradores do bairro) e a Comunidade Coliseu (favela, com cerca de 200 famílias, localizada no bairro).

Partindo do âmbito global para um estudo de caso particular, o livro demonstra que tais transformações vêm ocorrendo nos bairros das metrópoles ao redor do mundo. “A pesquisa joga luz sobre o embate entre o crescimento das metrópoles e a relação de comunidade dos bairros que é, de certa forma, ameaçada pela chegada desordenada do mercado imobiliário”, explica Dan Levy. “O perfil dos moradores de regiões como a Vila Olímpia muda e diminui a heterogeneidade daquela população. O estilo de vida pós-moderno impõe padrões que expulsa perfis sociais que não se encaixam. Isso empobrece, esmaga a diversidade, apaga a memória do bairro, segrega e fragmenta socialmente a região, o que é péssimo para o crescimento saudável das cidades”, completa.

SOBRE O AUTOR
Dan Rodrigues Levy é Doutor em Sociologia Urbana pela Universidade de Coimbra (Portugal) e Mestre em Direitos Humanos e Meio Ambiente pela Universidade Federal do Pará. Atualmente é Consultor Jurídico nas áreas de Direito Ambiental e Urbanístico; Professor de Direito da Escola Paulista de Política, Economia e Negócios da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp/EPPEN). Professor convidado do Curso de Extensão sobre Responsabilidade Ambiental – Aspectos Jurídicos na Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCCamp), Professor Convidado do Curso de Extensão em Cidade Sustentável: Direito e Meio Ambiente Urbano da Faculdade Armando Álvares Penteado (FAAP).

LANÇAMENTO
 
Data:
 14.09.2018
Horário: 18h30 às 21h30
Local: Livraria da Vila – Lorena
Endereço: Al. Lorena, 1731, Jardim Paulista – São Paulo

FICHA TÉCNICA
Título: 
A sociabilidade na metrópole de São Paulo: um estudo sobre o bairro da Vila Olímpia
Autor: 
Dan Rodrigues Levy 
Editora: 
LiberArs
Edição: 

Ano: 
2018
Formato: 
Brochura | 216 páginas 
ISBN: 
8594590814
Dimensões: 
23cm x 16cm
Download de release e imagens em alta: clique aqui

Terapeuta sonora Amma Sophia Rose vem ao Brasil conduzir oficinas de capacitação vocal e concertos

    

Atividades acontecem em setembro no Templo do Ser, em Ilhabela (SP)

O Templo do Ser, espaço de retiros e bem-estar localizado na natureza acolhedora da mata atlântica de Ilhabela (SP), traz ao Brasil a renomada alquimista e terapeuta sonora Amma Sophia Rose, para conduzir workshops de cura pelo som, capacitação vocal e oficina de conexão com o ventre, além de realizar concertos com cantos, tambores xamânicos e tigelas de cristal, e atendimentos individuais de leitura de registros akáshicos e cantos da alma. As apresentações fazem parte do Celebração do Ser, evento consciente, que traz na programação atrações musicais, aulas de yoga, massagens terapêuticas, exposição de artesanato, danças e bistrô com alimentação natural e orgânica.

De origem mexicana norte-americana e celta, Amma Sophia Rose é uma alquimista do som e da voz, que já percorreu lugares como Tailândia, Dubai, Singapura, Bali, México, Peru, Áustria, Suíça e Havaí com seus concertos e oficinas terapêuticas. Tendo estudado com indígenas de diferentes tradições, adquiriu dons para se tornar uma líder xamânica, e cria um campo vibracional de amor por meio de experiências sonoras e ensina o despertar vocal através de uma exclusiva alquimia extraída de tigelas de cristal. Amma também é professora de  respiração transformacional para liberação de traumas e ensina meditação do movimento. É co-criadora do Sonic Bowl Alchemy, time de especialistas em tigelas de cristal, e criadora do Sonic Love Alchemy, escola que trabalha com ativação vocal, medicina vibracional, reconexão xamânica, medicina da terra e sofrologia ancestral. É especializada nos exclusivos Cristais Andara Monoatômicos.

“Tocando esses belos instrumentos e utilizando-os como as ferramentas de cura que são, elevamos a frequência da consciência, liberando as emoções que não nos são autênticas. Quando usamos o som, a respiração, a dança e o movimento, trabalhando de maneira cada vez mais profunda a autenticidade do ser, geramos uma transformação única para o ser humano”, explica Amma Sophia.

WORKSHOPS

Cura pelo Som (Sound Healing Workshop)
Propicia a conexão direta com a música da alma, levando a um acesso completo do potencial da criatividade humana. Através de círculos de tambores xamânicos, a oficina convida para o despertar da conexão interior ao tempo dos sonhos, permitindo um mergulho no som sagrado e em instrumentos multiculturais para que se obtenha uma experiência de aprendizagem da expressão única de cada ser. Não é necessária experiência prévia com música e ou com instrumentos musicais.

Capacitação Vocal (Vocal Empowerment Class)
Reforça o poder que todo ser humano tem com a sua própria voz. Com técnicas pessoais e profundas da Amma Sophia Rose, este workshop estimulará o conhecimento da voz interior, estabelecendo uma rota de ferramentas práticas para a abertura do poder de equalizar os sentimentos com a consciência do coração. À medida que será explorado o que está oculto em emoções e subconscientes, a liderança de Amma Sophia Rose permitirá descobrir onde os limites foram fracos ou inexistentes e ensinará a criação de um espaço seguro de recuperação dos fragmentos perdidos da alma.

Ventre das Mulheres (Women Womb Workshop)
Oficina para fortalecer a conexão com o ventre. A partir de uma história contada sob uma perspectiva feminina, Amma Sophia Rose guiará as participantes para uma liberação de bloqueios ancestrais de linhagens carregadas no útero, a fim de realizar uma limpeza dos registros akáshicos (resumo de todos os eventos, pensamentos, palavras, emoções e intenções humanas que já ocorreram no passado, no presente ou no futuro, segundo a teosofia e a antroposofia).

Atendimentos individuais
Uma profunda leitura de registros akáshicos, na qual são abordadas diversas áreas da vida, conforme a necessidade da pessoa a ser atendida. Acessando e reconhecendo a raiz dos atuais contratempos e padrões subconscientes, Amma compartilha as chaves universais para desbloquear o potencial mais alto e a abundância que esperamos da vida. Ajuda a mudar sua vibração para um estado de liberdade e integridade pessoal e coletivamente benéfico.

Sobre o Templo do Ser
O Templo do Ser é um espaço de retiros e bem-estar criado para proporcionar um ambiente de contemplação e relaxamento, e tecnologias de reconexão do ser com sua essência. Sua arquitetura orgânica e materiais nobres interagem com o entorno – a mata atlântica de Ilhabela (SP), tendo como resultado a natureza em harmonia com o ser humano. Oferece uma programação variada de workshops e vivências, aulas de yoga e dança, terapias holísticas e meditação. Possui salas para massagens, piscina e spa aquecido, boutique, bistrô de alimentação natural e orgânica, e suítes privativas para hóspedes.www.templodoser.org

Serviço
Workshops com Amma Sophia Rose
Datas:
Introdução aos workshops do final de semana (28/09 e 05/10, das 17h às 20h). Workshop Ventre das Mulheres: dias 29 e 30/09, das 9h às 18h. Workshops Cura pelo Som e Capacitação Vocal: dias 06 e 07/10, das 9h às 18h.

Concertos: dias 21 e 22/09, às 20h, como parte da programação do evento Celebração do Ser. Contribuição consciente (valor mínimo sugerido: R$ 30,00 por dia). Renda revertida para o Instituto Amor.

Local: Templo do Ser – Tecnologia & Reconexão
Endereço: Av. Engenho Velho, 185, Feiticeira, Ilhabela (SP)
Mais informações, valores de hospedagem e inscrições: (12) 99736 3846 / info@templodoser.org
Facebook: templodoser.org
Instagram: templodoser.ilhabela
www.templodoser.org

Amma Sophia Rose
www.soniclovealchemy.com
https://sonicbowlalchemy.com/
Facebook:
AmmaSophiaRose
Instagram:
ammasophiarose

 

Full IP da Eletronet é classificado entre os 100 melhores do mundo em conectividade com apenas 3 meses de operação

Em março de 2018, a Eletronet, fornecedora de serviços de trânsito IP e circuitos de alta velocidade em longa distância por rede de fibra óptica, com mais de 16 mil km, anunciou a entrada no mercado como NSP (Network Service Provider), com o serviço de Trânsito IP para ISP (Internet Service Provider). Apenas três meses depois, a empresa comemora a classificação pelo site Radar by Qrator entre as 100 melhores do mundo no ranking de conectividade (https://radar.qrator.net/as-rating#connectivity/1/eletronet). Em relação aos provedores de serviços de Internet do Brasil, a Eletronet já está entre as cinco melhores empresas, pelo mesmo ranking.

Questionados sobre como a Eletronet conseguiu chegar tão rápido a este resultado, os executivos explicaram que foi uma combinação de foco em alta qualidade de serviços com a escolha estratégica de um parceiro especialista em tecnologia IP, a Everest Ridge. “Tínhamos duas opções, fazer tudo do zero ou contratar uma consultoria especializada em desenvolvimento de serviços IP. A Everest Ridge foi essencial em todo o projeto. Do planejamento, à engenharia, equipamentos, concepção do produto, engenharia de tráfego e até o suporte pós-lançamento, a consultoria realmente agregou sua expertise neste novo produto. A empresa treinou nosso time, escolheu os melhores equipamentos, definiu junto ao board as políticas de peering e traçou as rotas para reduzir custos operacionais”, afirma Anderson Jacopetti, diretor de engenharia e operações da Eletronet.

Um dos pontos chave do sucesso da Eletronet no ranking do Radar by Qrator foi a estratégia de conexão com provedores Tier1, acesso aos conteúdos mais relevantes e conexão com os principais IXs (Internet Exchanges) nacionais e internacionais. “Esta estratégia que a consultoria nos propôs foi determinante para sermos considerados uma das cinco melhores em conectividade em apenas três meses. Nossos clientes conseguem acessar todos os conteúdos, incluindo vídeos, games, e-commerce e muito mais, de forma muito mais rápida e direta”, explica Cassio Lehmann, diretor de comercial da Eletronet. O executivo conta que o produto Full IP é um marco de grandes mudanças no futuro da empresa. “Este é o primeiro de uma série de serviços adicionais que serão lançados em nosso portfólio num futuro próximo”, enfatiza.

A estratégia desenvolvida em conjunto com a Everest Ridge foi baseada em 3 pilares: 1) escolha dos fornecedores de trânsito IP nacionais e internacionais, determinante para reduzir custos e manter a qualidade dos serviços; 2) conectividade e políticas de peering; 3) alto nível de qualidade no atendimento ao cliente.

“Na escolha de provedores e na arquitetura da rede foi onde realmente contribuímos para reduzir custos do projeto e agregar valor ao Full IP. Analisamos o posicionamento geográfico da rede da Eletronet, propondo conectividade com os principais IXs, onde seria conectado de forma a proporcionar a melhor experiência ao cliente final. Também estudamos quais equipamentos seriam mais adequados ao projeto e, ainda, negociamos conexões para o cliente, a chamada política de peering, que incluiu conexão direta com os principais provedores de conteúdo para IP (empresas como Google, Facebook e Netflix), conta Eduardo Meirelles, diretor comercial da Everest Ridge.

O Full IP da Eletronet está disponível em 18 estados, com disponibilidade de tráfego em 155 pontos de presença (POPs). A Eletronet utiliza o backbone OPGW de 16 mil km próprio, conectado aos principais pontos de troca de tráfego (PTTs) do país, entre eles os de São Paulo, Rio de Janeiro, Fortaleza, Campinas, Brasília e Salvador; além de conexões diretas com Londres, Frankfurt e Amsterdam na Europa, e Nova York e Miami nos Estados Unidos.

Sobre a Eletronet

A Eletronet possui uma rede nacional de fibra óptica baseada em OPGW com mais de 16 mil km, 155 POPs em 18 estados do Brasil, integrados às redes de transmissão de energia elétrica. Através desta estrutura de alta capacidade e disponibilidade, são prestados serviços de telecomunicações com altos níveis de qualidade para operadoras de telecomunicações e provedores de serviços de Internet (ISP). www.eletronet.com

Sobre a Everest Ridge

A Everest Ridge é uma empresa brasileira especialista em gestão e segurança de redes de telecomunicações. Fundada em 2010, oferece serviços desde a concepção e desenho de uma nova rede, até a otimização da rede de grandes empresas, tendo com maior benefício a redução de custos fixos em média de 30%. Possui um centro de operações 24×7 para gerenciar e fazer a manutenção dos serviços. Entre os principais clientes estão Eletronet, Master, Engemon IT e L5 Networks. http://everestridge.com.br/

Debate sobre ‘Eleições 2018 e Compliance’ discutirá lobby empresarial, ética na política e a pós-democracia brasileira

Que país desejamos construir? Estamos conseguindo adotar práticas éticas ou a impunidade e corrupção só fazem crescer? Quais os impactos de uma sociedade tão polarizada e sujeita a fake news sobre as eleições? O que partidos, políticos, empresas, instituições públicas e sociedade civil podem fazer pela democracia a essa altura?

Esses são alguns dos temas a serem abordados no debate “Eleições 2018 e Compliance: lobby empresarial, ética dos partidos políticos e a (pós) democracia brasileira”. O evento comemora um ano do Blog do Justino (www.blogdojustino.com.br), do advogado e professor doutor de Direito Administrativo da USP Gustavo Justino de Oliveira, e será realizado na Casa do Saber, em São Paulo (SP), no dia 28 de agosto.

“Com satisfação celebramos nosso primeiro aniversário, refletindo sobre questões de vital importância para o exercício da cidadania e para a construção de um país mais justo, transparente e ético”, afirma Justino de Oliveira. “Assim como no Blog, a ideia do encontro é ampliar a discussão da atual conjuntura nacional pelo viés do Direito, Política e Sociedade. Vamos utilizar linguagem acessível, oferecer pontos de vistas diferentes, representados por especialistas de áreas diversas, e também dialogar com o público presente, que poderá esclarecer dúvidas e fazer comentários”, acrescenta.
O debate contará com a participação do empresário Andrea Matarazzo, ex-secretário estadual de Cultura e de Subprefeituras de São Paulo, do jornalista Fernando Mello (JOTA e UCLA), do advogado André Castro Carvalho (Insper e IBDEE) e de Taissa Licatti, In-house Consel da Ambev, além da moderação de Justino. A entrada é gratuita e está sujeita à lotação do espaço.

“Vivemos um momento crucial para a democracia brasileira. Há muitas incertezas e temores sobre o futuro, mas também um grande anseio por mudança e renovação. Estimular a reflexão e o diálogo em um evento como esse certamente ajuda a compreender melhor que projeto de país, afinal, desejamos e podemos viabilizar”, conclui Justino.

Serviço

Debate Eleições 2018 e Compliance: lobby empresarial, ética dos partidos políticos e a (pós) democracia brasileira
Data: 28.08.2018 (terça-feira)
Horário: das 18h30 às 21h
Local: Casa do Saber – rua Dr. Mario Ferraz, 414 – Itaim Bibi – São Paulo (SP)
Evento gratuito e sujeito à lotação do espaço.
Necessária inscrição prévia em www.blogdojustino.com.br